sábado, 25 de fevereiro de 2012

Na estante - Parte I

Eu vivo falando que sou leitora dedicada, vivo com um nariz enfiado num livro, vivo atualizando meu skoob e comprando mais e mais livros descontroladamente. Mas acho que vocês bem que poderiam conhecer um pouco do que tem na minha estante, não é?

Por isso tirei os livros das prateleiras e fui arrumando eles, tentando organizar um lógica entre eles para que eu pudesse apresentá-los para vocês. Tem vários que eu ainda não li e provavelmente vou precisar de mais umas três vidas para ler tudo o que eu quero. Mas a gente vive como pode. Então, segue a primeira parte da minha estante!
Pottermania. Incurável.
Claro que o primeiro a aparecer tinha que ser Harry Potter. Aquele que influencia a minha vida, que fez eu ser quem eu sou, que me deu muitos amigos reais, virtuais e fictícios. Quem fez a minha mania de leitura triplicar e aprender a importância da amizade, lealdade e amor. E a inspiração pro nome do blog!

Na estante, toda a série da tia J.K. Rowling (menos a Luisa o livro 7, que está emprestado), mais livros originais da tia Jo, como Os Contos de Beedle, o Bardo, Quadribol Através dos Séculos e Animais Fantásticos e Onde habitam. Além desses tem Harry Potter e a Filosofia, que é uma compilação de artigos científicos que analisam a série, desde Psicologia até Comunicação. Também tem Harry e Seus Fãs, que foi um livro escrito por uma super-fã de HP, Melissa Anelli. Ela é webmistress de um dos maiores fansites da série, o Leaky Cauldron, e faz parte da equipe do Pottermore. A jornalista mais invejada do mundo potteriano teve várias entrevistas loongas e exclusivas com a J.K. e conta no livro a trajetória da série, como esse fenômeno cresceu, histórias de fãs, o que eles faziam pelos seus amados personagens e tudo isso através do seu próprio ponto de vista. Ela conta a trajetória da série como uma fã que vivei tudo, desde o início, de forma intensa e apaixonante.

Para terminar essa sessão tem A Magia do Cinema e Das Páginas Para A Tela, que são dois livros lançados oficialmente em parceria com a Warner Bros. que conta o processo de adaptação dos livros e como tudo foi construído. É aquela coisa linda de saber os bastidores e o tanto de gente e detalhes envolvidos em tudo.  
Chick lit!
Livros de menininha. Pra quem cresceu abraçada com Mia Thermopolis como eu, Meg Cabot é a diva-mor desse tipo de literatura. São aqueles livros que fazem você se identificar com as personagens e os problemas pelos quais elas passam no livro, só para depois todas encontrarem um amor lindo, um cara perfeito, um romance dos sonhos. Nessa hora a gente se toca que é só literatura e faz força pra não acreditar que é de verdade, se não a pode fica a vida inteira à espera do Michael Moscovitz.

Além da série O Diário da Princesa (que eu não tenho completa, mas aceito presentes), já li vários outros livros da Meg, sendo a maioria emprestados ou digitais. Meu sonho azul é, um dia, ter toda a bibliografia dela. Outros livros completam a sessão, entre eles o Lonely Hearts Club, de Elizabeth Eulberg, um livro que me encantou assim que eu li o nome, e mais ainda com a capa e a sinopse. O livro é uma referência literária chick lit aos Beatles! Morri, comprei na hora, li e adorei!
Joisten Gaarder e sua filosofia

Joisten Gaarder é um lindo! O Mundo de Sofia é uma história linda que aproveitara para, no meio, contar a história da filosofia. Ganhei meu exemplar com 15 anos, justo quando estava começando a estudar filosofia e é claro que fiquei fascinada. É um livro que muita gente ama, e muita gente odeia. Eu amo e morro de vontade de arrumar um tempo para relê-lo.

O outro livro, O Dia do Curinga, eu comprei há pouco tempo e quando comecei a ler não parei mais. Uma narrativa instigante, tocante, que ensina muita coisas sobre a vida e continua sendo um pouco filosófica, mesmo sem fazer nenhuma referência direta à Sócrates e seus amigos. Um daqueles livros que dá uma sensação de vazio enorme dentro da gente quando acaba. Fascinante. Sou louca para ler outras obras dele também.

O Mochileiro das Galáxias. A literatura nerd.
Para finalizar, vamos à cota nerd na minha estante. Douglas Adams e sua trilogia de cinco. O Mochileiro das Galáxias é uma série de aventuras incríveis pelo universo e cheias de física, química e todas essas coisas difíceis que eu escolhi não saber quando estava no Ensino Médio. É claro que não precisa ser formado em Astrofísica para aproveitar a leitura, mas tenho certeza de que deve ser bem mais interessante dessa forma. Com a série eu só fiz acreditar mais ainda que o universo é grande e rico demais para nós sermos egoístas o suficiente e achar que só tem vida na Terra!

Isso é uma porção da minha estante querida. Os livros ainda não acabaram, mas, eu vou apresentando o restante deles depois, em outros posts. Por que se não isso aqui fica gigante e ninguém tem nem coragem de ler, né?

7 comentários:

Jade Amorim disse...

Nossa menina, que descrições so big! oasoaksoaksoaksa

Então, eu nao sou muito fã de HP, mas me apaixonei pela segunda "remessa". A terceira eu tenho o mundo de sofia, mas não sou fã de filosofia não, por isso nunca terminei ele!

Já o Guia, cláaaassico! Eu tenho mas ainda não terminei de ler!

ps: você vai comprar o sexto livro do Guia?

Beijos,

Thamy disse...

Apesar do skoob não dizer, temos muito em comum! a serie da Mia e a do Mochileiro por exemplo...etc..

pronto, já quero o resto da estante!

Jeniffer Yara disse...

Gostei que você não só apresentou os livros, mas também descreveu um pouco sobre eles. Alguns livros do HP que não são da história dele,eu tinha ouvido falar,mas não sabia se existiam ou não, que coleção LINDA que tu tens de HP hein?! E os da Meg? Só li dois livros dela até agora, e sei o quanto ela é a rainha do Chick-lit e eu tô doida pra ler O diabo veste Prada, e os outros *O* Quero toda tua estante emprestado,pode? hahaha' Not.

Beijos!

Adriana Souza disse...

Que inveja da tua coleção do HP !
hehe , anne desde que tu me mandou o link do teu blog eu entro nele sempre que eu posso ,amei ele , (ja te didde isso neah!?). adoro o jeito que escreves!
Bem sobre a tua estante , adorei também , amo a Meg apesar de preferir a série A mediadora do que o diário da princesa; ja pedi minha coleção do guia do mochileiro (29,90 no submarino):D quanto a sessão filosófica não curto muito não =p
maas , eu sei que tens uns clássicos bem legais na tua prateleira, então vê se coloca umas fotos deles aqui no teu blog!!
bisous

Emilie S. disse...

Que livros legais! *O*
Eu quero uma estante para colocar os meus :'D

Repórter de Sandálias disse...

Anne, q blog lindooooooooo e q estante MA-RA-VI-LHO-SA!!! Amei tudo: o blog, os livros e saber q temos mto em comum! Além do amor por blogs e livros, tb ganhei meu exemplar do Mundo de Sofia aos 15 anos! Foi interessante: no primeiro ano do ensino médio, um amigo meu ganhou o livro de aniversário e levou para a escola. Eu sempre fui cdf, mas sentava no fundão e esse meu amigo era da galera do fundão mesmo, ou seja, nem um pouco cdf, rsrs! Qndo disse q adoraria ler o livro e pedi emprestado, ele me deu!! Nem preciso dizer q mudou minha vida! Aprendi a pensar, a questionar as coisas e a saber admirar um final surpreendente, nem um pouco previsível! Vou passar sempre por aqui daqui pra frente para conhecer esse teu mundinho encantado. Bjos :)

Giovanna Alves disse...

Amei! =)

Muitos livrinhos que já li ou quero ler.